Patrícia Galvão, militante do ideal.

domingo, 14 de março de 2010

http://brochurasdeumamenina.blogspot.com/2010/03/patricia-galvao-militante-do-ideal.html

Patrícia Galvão, militante do ideal.

Fonte: Divirta-se.

Todxs convidadxs!!!!

Local: Biblioteca Demonstrativa de Brasília
Endereço: EQS 506/507
Bairro: Asa Sul
De: 08/03/2010
Até: 27/03/2010

Biblioteca Demonstrativa comemora o centenário de Patrícia Galvão, Pagu. Reconhecida como jornalista, ilustradora, escritora e tradutora, Patrícia não foi apenas a Pagu, a musa rebelde da antropofagia, nem somente a mulher de Oswald de Andrade, como é muitas vezes lembrada. Ela escreveu como Pat, Patsy, Pathy, Mara Lobo, Paula Leonnie, Ariel, Pt., King Shelter, Solange Sohl, Gim, K. B. Luda e Peste. Cada pseudônimo traduz uma parte de sua obra literária e compõe uma etapa de uma história vivida, muitas vezes, entre a prisão e a clandestinidade. Hoje se alguém quiser saber quem foi a "Pagu" da música de Rita Lee e Zélia Duncan descobrirá a história da destemida escritora Patrícia Galvão

Encontros com a mestranda da UnB Ludimila Moreira Menezes, conhecedora da obra e vida de PATRÍCIA GALVÃO:
Dia 17 de março para o Grupo de Atualização da Mulher, das 15h às 17h
Dia 23 de março, será realizado o projeto Terça Literária, um bate-papo entre Ludimila e a bacharel em letras Cindy Nagel, das 12h30 às 13h30
Outras Informações: Informações: 3443-5682 ou 3244-3015

L.