Outros projetos do Instituto

Outros projetos do Instituto Artefato Cultural

patricia galvão jornalista

Foto de Patrícia Galvão atuando como jornalista (arquivo Lúcia Teixeira Furlani)


O instituto prepara o lançamento, para este ano, do livro De Pagu a Patrícia, resultado de cinco anos de pesquisa de Márcia Costa, que desenvolveu uma dissertação de mestrado sobre o tema. A obra será lançada no ano do centenário de Pagu e fala sobre a atuação cultural e jornalística de Patrícia Galvão na década de 50, em Santos.  Durante o lançamento do livro será apresentada uma peça teatral sobre Pagu. Este projeto foi enquadrado no Artigo 18 da Lei Federal de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet.

Outro projeto do instituto enquadrado no Artigo 18 da Lei Rouanet é o "Dicionário sem Educação", uma obra literária com textos humorísticos e ilustrações caricatas que trata de forma satírica assuntos absolutamente sérios e importantes ligados à educação brasileira. A abordagem dos temas tem um tom de denúncia e ridicularização com o intuito declarado de chamar a atenção para nossas mazelas educacionais e provocar mudanças nessa área tão deficiente na sociedade brasileira. O autor é o semanticista Celso Ferrarezi, com ilustrações do caricaturista Douglas Souza, o Dodô.

O instituto busca aprovar também através da Lei Rouanet o Teatro Educativo Roberto Villani (TERV), que há 43 anos atende crianças a partir dos quatro anos de idade, provenientes de família de baixa renda, fornecendo noções de cidadania através do teatro. A temática das peças é voltada a princípios pedagógicos, e a apresentação delas é intercalada com aulas e palestras. Estima-se que o TERV já atendeu a cinco mil alunos durante sua existência. Iniciou suas atividades na Baixada Santista e foi transferido para Descalvado (interior de SP) há seis anos.


http://revistapausa.blogspot.com/2010/05/rota-literaria-passeio-poetico-pelo.html