Mostrando postagens com o rótulo BiografiaMostrar tudo

Review: Steve Jobs e a Revolução Digital

Steve Jobs e a Revolução Digital by Jerome Vonk My rating: 2 of 5 stars Uma versão reduzida do livro de Walter Isaacson.  Mas com um erro de informação: ele chegou a ver o pai, ele era gerente da lanchonete que jobs frequentava. O pai sabia quem era, mas não ele. A i… Continue lendo »

Bono on His Dad's Final Days

"I'd go and usually have a pint of Guinness and a chaser to steady my nerves. Then I'd go to the hospital and I'd sleep beside my father."  - Bono. Interview by Anthony Bozza. Continue lendo »

Review: Hebe: a biografia

Hebe: a biografia by Artur Xexéo My rating: 2 of 5 stars Hebe era alguém que teve um origem humilde, não prosseguiu com os estudos - e não se orgulhava disso - mas não há qualquer indício de que tentou reverter isso.  O livro é tão raso qu… Continue lendo »

Review: Martinho Lutero

Martinho Lutero by Julia McNair Wright My rating: 4 of 5 stars É muito importante contar a história daquele que revolucionou o mundo em vários sentidos. Todos os pontos importante da sua biografia está nesse livro. Uma história de fé… Continue lendo »

Review: Princesa Renata

Princesa Renata by Julia McNair Wright My rating: 5 of 5 stars Não li todos os livros da coleção, mas até o momento esse foi o mais completo no quesito detalhes históricos. É um personagem obscuro da História, até mesmo da His… Continue lendo »

Review: Eu sou Ricardo Boechat

Eu sou Ricardo Boechat by Eduardo Barão My rating: 5 of 5 stars Se você acompanhava Boechat no rádio, não tem novidade no livro, mas é importante reunir tudo em livro para ficar registrado para posteridade e de forma digna. Ele já fa… Continue lendo »

Dez passos de Pagú

■ 1910 — Patrícia Rehder Galvão nasce em São João da Boa Vista. ■ 1912 — Sua família muda-se para a Rua da Liberdade, em São Paulo. ■ 1924 — Torna-se aluna da Escola Normal do Brás (no destaque). ■ 1930 — Pagu e Oswald fazem um pacto de casamento no Cemitério d… Continue lendo »

Casamento de Pagú e Oswald

Em 1930, Oswald de Andrade e Patrícia Galvão, a Pagu, se casaram no cemitério da Consolação, em São Paulo. A cerimônia foi mais uma das excentricidades dos modernistas. "Nesta data contrataram casamento a jovem amorosa Patrícia Galvão e o crápula forte Oswald… Continue lendo »

Leia um trecho do livro "Amores proibidos..."

"Amores proibidos nunca foram fáceis. Por influência de algum mecanismo insensato da psiquê humana, as paixões se tornam ainda mais sedutoras, perturbadoras e atraentes quando há algum impedimento para que se realizem em toda sua plenitude. É justamente na impo… Continue lendo »

Revista Pausa: Pagu e Pearl

Revista Pausa: Pagu e Pearl : Maria Inês Prado, ocupa a cadeira nº 36 da Academia de Letras de São João da Boa Vista, cuja patrona é Patrícia Rehder Galvão, a Pagu Duas mulheres que cruzaram comigo em duas fases da minha vida – juventude e velhice. Só que, na mocidade,… Continue lendo »

Simplesmente Pagú

“Mulher de ferro com zonas erógenas e aparelho digestivo” (pág. 70). Assim se autodefine Patrícia Galvão, polêmica é pouco quando se fala dessa mulher que virou personagem de novela, de filmes, tema de música e é, sem dúvida, uma das figuras femininas mais intensas exi… Continue lendo »

Mulher Paixão

Mulher paixão Além de militante comunista e feminista, a escritora Pagu foi uma mulher que viveu e enfrentou sua época com toda a intensidade O poeta e ensaísta mexicano Octavio Paz (1914-1998) costumava escrever que a vida de certas pessoas se confunde com a época e o… Continue lendo »

Modernismo - Parque Industrial

[...] Na grande penitenciária social os teares se elevam e marcham esgoelando. Bruna está com sono. Estivera num baile até tarde. Pára e aperta com raiva os olhos ardentes. Abre a boca cariada, boceja. Os cabelos toscos estão polvilhados de seda. - Puxa! Que este domin… Continue lendo »

Olhos moles, alma forte

{ dezembro de 2010 } . . . Ela tem lugar garantido na lista das figuras femininas mais importantes do século passado. De aparência e personalidade marcantes, era “a nova mulher brasileira”, segundo o poeta Augusto de Campos. Além de causar burburinho entre o grupo dos … Continue lendo »

Pagú: Breve Biografia

Ela fez de sua vida um campo de batalha contra a intolerância, os desmandos e os grilhões impostos por senhores de uma sociedade retrógrada e, nos mais diversos aspectos, injusta. E mais do que isso, ela se fez mulher. Um espírito batalhador que foi capaz de ir muito … Continue lendo »